Qual o segredo de um casamento duradouro?

jan 16, 2016 by

Qual o segredo de um casamento duradouro?

Recentemente em um voo de São Paulo para Minas Gerais me deparei com um casal da terceira idade assentado ao meu lado. Passado algum tempo em silêncio não suportei e perguntei se eram casados. Prontamente, o senhor de maneira muito educada me respondeu que sim. Perguntei então, por quanto tempo estavam casados: “59 anos” – respondeu serenamente o bom homem. A esposa ouvindo a conversa acrescentou: “faremos 60 anos de casados no próximo ano!”.

De forma descontraída, devido à liberdade que aquele educado casal me tratou, lhe perguntei qual seria o segredo de um casamento duradouro.

Sorrindo o bom homem me respondeu de forma sempre tranquila: “não existe segredo”.

Contudo, durante o desenrolar da conversa percebi que apesar dele não saber precisar como completaram tantos anos juntos, ficou claro o que ele de fato valorizava. Ele afirmou veementemente que prezava pela honestidade e que não gostava de ficar em bar com amigos. Deixou transparecer também o carinho que possui pelos netos e em especial pelos filhos. Perguntei se ele era religioso. Com certo orgulho deu ênfase à sua fé em Deus. Acrescentou que carregava desde o berço a sua fé, passada a ele pelos pais e avós.

Durante todo o voo aquele senhor enalteceu a boas qualidades de um homem, o valor da família e da vida. Em certo momento da conversa ele me disse em voz baixa, como se evitasse que sua esposa o escutasse… “Quando a mulher começar a brigar com você dê meia-volta e afaste-se um pouco, respire fundo e depois retorne para próximo dela”- depois de haver dito isso, endireitou o corpo e salientou: “brigar pra quê?”.

Enquanto o bom velhinho falava, eu o escutava atentamente, e claro, o avaliava. Compreendi que ele não gostava de confusão. Tudo que ele queria na vida é voltar para casa depois de um dia de trabalho e descansar da labuta diária. O bom nome que construiu ao longo da vida era a coisa mais importante de sua vida.

“Não existe segredo!” – esta resposta ecoou em minha mente. Não existe porque já é de conhecimento de todos que o que mantém um casamento saudável é o companheirismo. O próprio Deus faz a seguinte pergunta a todos nós: “Porventura andarão dois juntos, se não estiverem de acordo?” (Amós 3:3). Então para andarmos juntos é necessário que haja acordo entre nós.

A consequência do companherismo o sábio Salomão descreve muito bem: “Melhor é serem dois do que um, porque têm melhor paga do seu trabalho” (Eclesiastes 4:9).

Acredito que assim como o casal do avião conseguiu viver 59 anos casados e aguardavam completar 60 anos ou mais, todos que valorizam a família tem a probabilidade de viverem juntos até que de fato “a morte os separe”.

O segredo de um casamento duradouro, pela lógica da vida, é a confiança e o esforço de cada um em manter a sua família unida, abrindo mão dos próprios desejos em prol do bem-estar de todos – este é de fato e amor na prática. Quem constrói o companheirismo com o seu cônjuge já pode se considerar um vencedor, “Porque se um cair, o outro levanta o seu companheiro; mas ai do que estiver só; pois, caindo, não haverá outro que o levante. Também, se dois dormirem juntos, eles se aquentarão; mas um só, como se aquentará? E, se alguém prevalecer contra um, os dois lhe resistirão; e o cordão de três dobras não se quebra tão depressa” (Eclesiastes 4:10-12).

 

Related Posts

Tags

Share This

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *