Para obter saúde e vida

mar 3, 2016 by

Para obter saúde e vida

Observando as pessoas pelas ruas, praças e academias, concluímos o quanto estão preocupadas com a saúde física e mental. Elas, erroneamente, acreditam que a saúde corporal depende somente da prática de exercícios físicos, quando na verdade depende também de outras ações e atitudes.

Atitudes simples, identificadas em Provérbios 4.20-27, descritas por um pai preocupado com a saúde espiritual de seu filho.

Assim, ele diz: “Meu filho, escute o que lhe digo; preste atenção às minhas palavras. Nunca as perca de vista; guarde-as no fundo do coração, pois são vida para quem as encontra e saúde para todo o seu ser” (v.20-22).

Em suas palavras, a saúde esta relacionada ao cumprimento de alguns critérios por ele repassados. O que com certeza vale para todos que almejam uma vida saudável, porque atender a tais critérios é a maneira adequada para proteger a sede de nossa alma – o coração. Disso “depende” a nossa vida (v.23).

E para proteger o nosso coração o primeiro critério é ser cauteloso com as palavras que saem de nossa boca. Ao evitarmos o uso de “palavras perversas” (v.24) manteremos presente a vida no coração. Por isso, quem deseja saúde usará a boca apenas para abençoar, ou ajudar os outros.

Com esse simples procedimento o coração ficará protegido de ser invadido e contaminado por impurezas diversas, as quais, saindo da boca do homem o tornarão “impuro’” (Mateus 15.18).

Outro critério, tão importante quanto o primeiro, para obter saúde, é proteger os olhos do mal. Sua ênfase é: “Olhe sempre para frente, mantenha o olhar fixo no que está adiante de você” (v.25). Mesmo critério defendido por Jesus, pois, segundo suas palavras, quem é criterioso na maneira de olhar para a vida e para os outros terá todo o seu corpo “cheio de luz” (Mateus 6.22).

Consequentemente, se os olhos são usados com prudência, estaremos pisando em lugar seguro (v.26), e nossas ações serão coroadas de sabedoria.

Portanto, a vida e a saúde serão mantidas no coração quando a boca continuar sendo usada para abençoar os outros e os olhos para nos ajudar a permanecer no caminho, sem nos desviarmos “nem para a direita nem para a esquerda” (v.27).

Agindo assim, o coração será sempre uma fortaleza, com sua porta e janelas bem fechadas, sendo a porta do coração a boca, e suas janelas, os olhos.

Além do mais, fica o alerta: de nada adianta a prática de exercícios físicos em detrimento dos exercícios espirituais, porque “O exercício físico é de pouco proveito; a piedade, porém, para tudo é proveitosa, porque tem promessa da vida presente e da futura” (1ª Timóteo 4.8).

Pr. Nelson Costa

Leia também: Palavras de Jesus na cruz

Related Posts

Tags

Share This

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *